Directrizes Nacionais para a Mobilidade

No âmbito do Pacote da Mobilidade, o Instituo da Mobilidade e Transportes definiu, em 2011, as Directrizes Nacionais para a Mobilidade. De acordo com o IMT, “as linhas de orientação devem ser entendidas como o conjunto de princípios a reter, não sendo obrigatório que sejam cumpridas de forma exaustiva por todos os municípios que pretendam estabelecer um […]

Bremen vence prémio SUMP 2014

Bremen (Alemanha) venceu o prémio SUMP (Plano de Mobilidade Urbana Sustentável no acrónimo em inglês) relativo ao ano de 2014 dedicado à inovação em mobilidade urbana. O prémio, no valor de 10 000 euros foi entregue por Violeta Bulc, Comissária Europeia para os Transportes. O concurso de 2014 foi dedicado a premiar a excelência na […]

Benefícios da implementação de um Plano de Mobilidade

A implementação de um Plano de Mobilidade pode revestir-se de diversos benefícios, nomeadamente: Melhoria das condições de acessibilidade para todos os cidadãos, incluindo as pessoas com mobilidade reduzida e os grupos populacionais mais vulneráveis: idosos e crianças; Melhoria do serviço de transportes públicos oferecido aos cidadãos e das condições para as deslocações a pé e […]

Nova portaria do governo regula financiamento de operações de mobilidade no âmbito do Portugal 2020

A Portaria 57-B/2015 contém o Regulamento Específico que estabelece as condições de acesso e as regras gerais de financiamento para as operações apresentadas ao abrigo das Prioridades de Investimento e Áreas de Intervenção no domínio da sustentabilidade e eficiência no uso de recursos. O financiamento das operações relacionadas com a mobilidade urbana encontra-se condicionado pela existência […]

O que são Planos de Mobilidade Urbana Sustentável?

O Planeamento da Mobilidade Urbana Sustentável é uma abordagem estratégica e integrada ao transporte urbano. Contribui para melhorar a acessibilidade e a qualidade de vida através de uma mudança em direção à mobilidade sustentável. O Plano de Mobilidade apoia a tomada de decisão baseada em factos, guiada por uma visão de longo prazo. Isto requer […]

Acordo de Parceria entre a Comissão Europeia e Portugal prevê a realização de Planos de Mobilidade para financiamento de medidas de mobilidade

O Acordo de Parceria submetido à Comissão Europeia pelo governo português antevê algum condicionamento à dotação de financiamento de intervenções futuras no âmbito da promoção da mobilidade urbana, admitindo que só terão acesso a fundos comunitários no período 2014-2020, as medidas decorrentes dos planos de mobilidade. Concretamente, lê-se na página 180 do documento “Portugal 2020 – […]

Plano de Mobilidade e Ordenamento da Circulação da Ria Formosa

Estudo com o objetivo de proceder à definição de um quadro de mobilidade terrestre e fluvio-maritima que permita, para além da manutenção do ecossistema lagunar, organizar e assegurar a existência de respostas eficazes e qualificadas para as diferentes necessidades dos que trabalham, vivem e/ou visitam a Ria Formosa (concelhos de Loulé, Faro, Olhão, Tavira, Vila […]

Plano de Mobilidade Sustentável do Concelho da Maia

Plano de Mobilidade de incidência concelhia, respeitando uma fase de diagnóstico multimodal sobre o sistema de transportes baseada em levantamento direto de dados (inquérito à mobilidade de residentes, inquéritos a passageiros, estacionamento e contagens de tráfego). Contém igualmente uma fase de estruturação da estratégia de mobilidade concelhia, culminando na elaboração de planos nas vertentes do […]

Estudo de Mobilidade Integrada no âmbito do Quadrilátero Urbano

Este Plano de Mobilidade de incidência intermunicipal foi desenvolvido para os territórios concelhios de Barcelos, Braga, Guimarães e Vila Nova de Famalicão. O estudo inicia-se por uma fase de diagnóstico multimodal sobre o sistema de transportes baseada em levantamento directo de dados (inquérito à mobilidade de residentes, inquéritos a passageiros, estacionamento e contagens de tráfego) […]

Plano Municipal de Mobilidade de Aveiro

Este Plano de Mobilidade de incidência concelhia, é suportado por uma fase de diagnóstico multimodal sobre o sistema de transportes baseada em levantamento direto de dados (inquérito à mobilidade de residentes, inquéritos a passageiros, estacionamento e contagens de tráfego). Contém igualmente uma fase de estruturação da estratégia de mobilidade concelhia, culminando na elaboração de planos nas vertentes […]